quarta-feira, outubro 06, 2010

Memórias impressas




 Quando abro minha antiga agenda, "acidentalmente" meus dedos escolhem aquela página. Volumos, pelas inúmeras colagens de recados seus, escritas incansáveis frases que talvez um dia tenham feito sentido. Depois de meses solitários, você retorna, mais frio do que nunca. Seu coração -agora de pedra-, só mostra que não sou mais quem vai te fazer feliz, não sou eu mais aquela pessoa com a qual basta trocar sorrisos e olhares que tudo estará completo novamente. Nunca imaginei que acabaríamos dessa forma. E mesmo que você volte pra ela e finja que não me conhece, meu coração insistirá em voltar pra você.

2 comentários:

  1. muito fofo seu texto, seu blog então, nem se fala, mt lindo *-*
    parabéns (:
    beijos, Taami (:

    ResponderExcluir
  2. obrigada linda!
    vou seguir seu blog, beijo

    ResponderExcluir

Elementares